Mensagem do Dirigente Máximo

.

(Para acessar a mensagem de 23 de dezembro de 2020 clique aqui).

Em 2021 o Conselho Federal de Museologia – COFEM continuou seu trabalho de consolidação da organização do Sistema COFEM/COREMs visando o melhor desempenho de sua missão de Conselho de Fiscalização Profissional, com a principal meta de transparência da gestão e a afirmação dos valores institucionais de ética, credibilidade e busca da eficiência de sua gestão.

Os efeitos da pandemia provocada pelo Coronavírus obrigaram o Sistema COFEM/COREMs a continuar seu trabalho em home office a maior parte do ano, adotando as mesmas práticas empregadas em 2020 e seguindo as orientações das autoridades governamentais. Seguindo a rotina de trabalho de 2020, o COFEM não deixou de atuar nenhum dia sequer e manteve seu planejamento. As decisões foram tomadas através da troca de e-mails e reuniões virtuais entre a Diretoria e os COREMs. A Diretoria reuniu-se sistematicamente por videoconferência ou outro recurso tecnológico de transmissão de som e imagem em tempo real para discutir e implementar as ações previstas no planejamento.

Houve renovação de 1/3 dos(as) Conselheiros(as) do COFEM, incluindo os mandatos da Conselheira Rita de Cassia e da Diretora Secretaria, Maria Eugenia Saturni. A 61a AGO foi convocada para o dia 23 de janeiro de 2021, quando foi eleita a Diretoria para o biênio 2021-2022,com a recondução ao cargo da Diretoria anterior, exceto o cargo da Diretora Tesoureira, que precisou ser renovado, em função da Conselheira Marcia Bibiani, por motivos particulares, ter solicitado o desligamento de seu mandato de Conselheira Federal e conseguintemente do Cargo de Diretora Tesoureira. Após a recondução da Presidente, da Vice-presidente e da Diretora Secretária, a Conselheira Clarete Maganhotto aceitou o convite para ocupar o cargo de Diretora Tesoureira.

Destacamos, ainda, a aprovação em Plenário e publicação de dois documentos importantes para a categoria, o primeiro foi a revisão do Código de Ética do Museólogo, revogando o documento de 1992. O Código de Ética do Museólogo foi publicado no D.O.U., Seção 1, no 178, segunda-feira, 20 de setembro de 2021, pp. 185-186 e disponibilizado no site do COFEM em https://cofem.org.br/legislacao_/resolucoes/#ano-2021. O segundo documento foi o Código dos Processos Administrativo, Disciplinar e Ético do Sistema COFEM COREMS, através da Resolução COFEM 064/2021, também disponibilizada no site do COFEM em https://cofem.org.br/legislacao_/resolucoes/#ano-2021. Ambos os documentos foram discutidos na Plenária da 55a AGE, realizada em 29/05/2021. O Código de Ética foi submetido à consulta da comunidade museológica, no período entre 14/06 a 25/07/2021 – através da disponibilização do texto em um formulário padrão na plataforma GOOGLE divulgado nos sites de todos os integrantes do Sistema com uma chamada para a participação do profissional museólogo. A Consulta obteve 34 respostas com participantes de todas as cinco Regiões do Sistema. Cada contribuição foi analisada e o tratamento dado às contribuições consta da Ata da 62a AGO, disponível no site.

De acordo com o Regimento Interno o COFEM realizou em 2021 duas AGOs e três AGEs, cujas Atas estão disponíveis no link http://cofem.org.br/acesso-a-informacao/ institucional/atas-e-sumulas/.

Em atendimento à Lei 7.287/1984, o COFEM revogou a Resolução 09/1999 e realizou seu processo eleitoral por meio dos Delegados Eleitores escolhidos em cada Conselho Regional. Em 2021, com uma aplicação mais rígida da Resolução COFEM 062/2021, que norteou as eleições nos COREMs, os prazos foram cumpridos, com a posse dos Conselheiros Regionais até o dia 25 de novembro. A Resolução COFEM 062/2021 prevista para renovar 1/3 das vagas teve a eleição dos Conselheiros Federais através da Assembleia Eleitoral, sob a coordenação da Comissão Eleitoral, criada pela Portaria COFEM 009/2021.

O COFEM necessitava do preenchimento de 11 vagas (havia muitas vacâncias) para compor o seu novo plenário e recebeu 13 candidaturas, preenchendo, portanto, todas as vagas. O processo foi bem avaliado pela Comissão eleitoral, que trabalhou com autonomia, conforme a legislação prevê. No dia 11 de dezembro, em Assembleia, a Plenária da 57a Assembleia Geral Extraordinária, por meio da plataforma on line SKYPE, reuniu-se e deu posse aos novos Conselheiros Federais. A Conselheira Federal Inga V. Mendes cujo mandato se encerra em 31 de dezembro de 2021, candidatou-se para mais um ano e após aclamação por unanimidade foi eleita para o cargo de Vice presidente na atual Diretoria.

Rio de Janeiro, 23 de dezembro de 2021


 Rita de Cassia de Mattos 
 Museóloga COREM2R 0064-I 
 Presidente COFEM