Conselheiros

GESTÃO 2019

PLENÁRIO COFEM

Conselheiros Efetivos.

Adriano Edney Santos de Oliveira
COREM 1ªR nº 0399-I
Conselheiro Efetivo, 2017 a 2019.
Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Roraima e Sergipe

Museólogo, bacharel em Museologia pela Universidade Federal de Pernambuco-UFPE. Especialista em Antropologia das Organizações e Mestre em Ciência da Informação também pela UFPE.  Servidor técnico-administrativo da UFPE desde 2004, onde foi secretario do Departamento de Fonoaudiologia da UFPE [2006 -2014] e desde julho de 2014 exerce a função de assistência administrativa e museologia no Museu de Minerais e Rochas/ Departamento de Geologia / Centro de Tecnologia e Geociências. Tem interesse na área de Gestão de Museus, processos  museológicos, estudos de usuários, acessibilidade de pessoas com deficiência e Documentação Museológica. É Conselheiro do COFEM desde 2017.


Andrea Fernandes Considera
COREM 4ªR nº 0149-I
Conselheira efetiva, 2019 – 2021.
Acre, Distrito Federal; Goiás; Mato Grosso; Mato Grosso do Sul, São Paulo (sede), Rondônia e Tocantins.

Museóloga, bacharel em Museologia pela Universidade Estácio de Sá, bacharel e mestre em História pela Universidade Federal Fluminense e doutora em História Cultural pela Universidade de Brasília. Iniciou sua carreira como museóloga do Museu Acadêmico da Academia Militar das Agulhas Negras (Resende-RJ) entre 1991 e 1998; foi museóloga e supervisora do Centro Histórico Mackenzie (São Paulo-SP) entre 1998 e 2009; atuou como técnica junto ao Centro Nacional de Arqueologia do Iphan (Brasília-DF) entre 2009 e 2010; atualmente é professora do Curso de Museologia da Universidade de Brasília (Brasília-DF) onde leciona desde 2010 as disciplinas do eixo “teoria e prática museológica”. Em defesa da profissão, participou do Conselho Regional da Museologia da 4ª Região como Delegada em 2010, como Conselheira entre 2011-2012 e como Presidente entre 2013-2015. Desde 2016 é Conselheira do Conselho Federal de Museologia. É membro do ICOM desde
2008.


Clarete de Oliveira Maganhotto
COREM 5ªR nº 0002-IV
Conselheira efetiva, 2017 – 2019.
Paraná e Santa Catarina

Museóloga. Graduada em Educação Artística, habilitação em Artes Plásticas pela Faculdade de Artes do Paraná [1979]. Diretora do Atelier de Arte do Museu Alfredo Andersen [1980-1983], Diretora de Museus do Estado do Paraná [1983-1992]. Coordenadora do Sistema Estadual de Museus do Paraná [2003- 2006]. Coordenou a equipe de pesquisa da publicação Princípios básicos da museologia / Evanise Pascoa Costa. -Curitiba: Coordenação do Sistema Estadual de Museus/ Secretaria de Estado da Cultura, 2006. Presidente do Conselho Federal de Museologia – COFEM – [1993]. Presidente do COREM 5ª R [1994 e 2002]. Atualmente, aposentada e Conselheira do COFEM, integrando a Comissão de Legislação e Normas.


Inga Ludmila Veitenheimer Mendes
COREM 3ªR nº 0017-IV
Conselheira Efetiva, 2019-2021.
Rio Grande do Sul

Museóloga, atuando no Museu de Ciências Naturais da Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul – MCN/FZB (1975-1994). Bacharel e Licenciada em História Natural pela PUC-RS; Mestre em Parasitologia pela UFRGS, Doutora em Ciências pela UFRGS.  No MCN, atuou, na condição de pesquisadora, curadora de coleções, orientadora de estagiários, bolsistas de Iniciação Científica, Coordenadora de Projetos Institucionais, tais como a de implantação de exposições museológicas, Banco de Dados das coleções científicas, Chefia de Departamento, Assistente de Direção e Diretora do MCN. Na Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS (1994-2007), atuou como Professora e orientadora no Curso de Graduação de  Ciências Biológicas; no mestrado e doutorado do Pós-Graduação em Biologia Animal; implantou e foi curadora da coleção científica de Malacologia, lecionou Museologia em Ciências Naturais, em cursos de Especialização e de extensão. No Centro Universitário La Salle, Canoas, RS (1998-2012) atuou como Professora e orientadora no Mestrado Profissional em Memória Social e Bens Culturais, onde ministrou: Espaços de Cultura e de Memória, Memória e Instituição Cultural, Patrimônio Cultural, Seminários Temáticos em Memória Social e Bens Culturais. Orientou dissertações na área de cultura e museologia. Publicou artigos científicos e de divulgação científica, orientou dissertações e eventos na área de Patrimônio cultural, ambiental e de museologia. No Conselho Regional de Museologia da 3ªR – COREM 3R (2012-2014), conselheira Vice-Presidente; no Conselho Federal de Museologia – COFEM (2015- atual), conselheira Vice-Presidente.


Márcia Silveira Bibiani
COREM 2ªR nº 0263-I
Conselheira Efetiva, 2019-2021.
Espírito Santo; Minas Gerais e Rio de Janeiro

Museóloga, formada pela Universidade do Brasil, atual UFRJ, em graduação sediada no Museu Histórico Nacional em 1969, especialização em Museus de História. Presidente do COREM 2R (2013 a 2015), e, a partir de 2016 representa-o no Conselho Federal de Museologia, no cargo de Diretora Tesoureira. É membro da atual gestão do ICOM Brasil – Conselho Internacional de Museus – ICOM e faz parte do seu Costume Committee. Faz parte do Conselho Consultivo do Patrimônio Museológico do Instituto Brasileiro de Museus–IBRAM. Começou sua carreira profissional em Brasília fazendo parte da equipe que idealizou e planejou o Museu Postal Telegráfico dos Correios. No Rio de Janeiro desde 1980, sua atividade profissional foi centrada em Gestão, inicialmente na Fundação de Artes do Estado do Rio de Janeiro, onde exerceu os cargos de Diretora do Museu de Artes e Tradições Populares, do Museu de História e Artes do Estado do Rio de Janeiro (hoje reunidos no Museu do Ingá), Coordenadora-Chefe da área de Museus e depois Diretora Geral dos Museus do Estado do Rio de Janeiro. Atuando na Secretaria de Estado de Cultura foi Superintendente de Museus, participando de sua implantação, tendo sido também Assessora Especial do Gabinete da Secretária de Estado de Cultura. Ao aposentar-se era Diretora da Casa da Marquesa de Santos – Museu da Moda Brasileira. Idealizou e viabilizou no Estado do Rio de Janeiro o Sistema Estadual de Museus, bem como planejou o Plano Setorial de Museus do Estado do Rio de Janeiro, visando uma política consolidada e continuada setorial. Atuou também em projetos técnicos nas áreas de educação, documentação e museografia.


Maria Cristina Pons da Silva
COREM 3R 0079-IV
Conselheira Efetiva, 2019-2021.
Rio Grande do Sul

Museóloga. Licenciada em Ciências Biológicas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul [1977], mestre em Biociências (Zoologia) pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul [1982] e doutora em Biologia Animal pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul [2003]. Atuou como bolsista, pesquisadora e curadora de coleção de Moluscos no Museu de Ciências Naturais da FZB [1977- 1988]. Museóloga coordenadora do Museu ao Ar Livre da ULBRA [1999-2007]. Coordenadora da Primeira Região Museológica do Sistema Estadual de Museus [2006 – 2007]. Museóloga Aposentada da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, onde atuou no Museu da UFRGS e no Museu de Paleontologia do Instituto de Geociência [2009-2015]. Tesoureira do COREM 3R [2009-2011], Presidente do COREM 3R [2012-2014], Conselheira COFEM desde 2015 e atualmente Preside a Comissão de Legislação e Normas. Tem experiência na área de gestão de Museus e museografia, com ênfase em curadoria de coleções biológicas (coleta, documentação e conservação).


Maria Eugênia dos Santos Teixeira Saturni
COREM 4ªR  nº 0022-II
Conselheira Efetiva, 2018-2020.
Acre, Distrito Federal; Goiás; Mato Grosso; Mato Grosso do Sul, São Paulo, Rondônia e
Tocantins.

Museóloga, pós-graduada em Museologia pelo  Instituto de Museologia de São Paulo, escola pós-graduada de Ciências Sociais da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo [1981-83]. Licenciada em Educação Artística e graduada em Artes Plásticas pela Fundação Armando Álvares Penteado [1975-79].  Integra o Conselho Consultivo do Patrimônio Museológico do IBRAM representando o COFEM como conselheira efetiva [2014-18 e 2018-22]. Dentre suas atividades destaca-se a Gerencia de Administração Cultural e posteriormente de Artes Visuais do Instituto Itaú Cultural [até 2002] e sua atuação como professora na Faculdade de Artes Plásticas da Associação Santa Marcelina [2002-16]. Sócia-proprietária da Base7 Projetos Culturais [2002-16], atuou como Diretora da área museológica e coordenou, entre outros, a organização de exposições temporárias e de longa duração, a implantação de museus e projetos de pesquisa e edição de Catálogos Raisonné – Tarsila do Amaral (org.), Alfredo Volpi e Antônio Bandeira. Atua na área de Museologia com ênfase nos seguintes temas: comunicação, catalogação e documentação de acervos, museografia, expografia, artes visuais, arte contemporânea, cultura brasileira.


Maria Regina Martins Batista e Silva
COREM 1ªR nº 0130-I
Conselheira Efetiva, 2018-2020.
Alagoas, Amazonas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Roraima e Sergipe

Museóloga, graduada pela UFRJ, com Pós-Graduação em Administração Cultural pela Universidade Nacional de Brasília UNB/OEA e Mestre em Antropologia pela UFPE. Aposentada pela Fundação Joaquim Nabuco, onde foi museóloga e Diretora do Museu Museu do Homem do Nordeste, Recife-PE. Diretora de Museus da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco – FUNDARPE, da Secretaria de Cultura do Governo. Designada para compor a Comissão de Criação do Curso de Museologia da UFPE. Desenvolveu atividades docentes em cursos e oficinas de Museologia, Museografia, Gestão de Museus, para entidades publicas como a FUNDAJ, e o Ministério do Trabalho/FAT/UFPE. Possui artigos publicados em Revistas e Anais de Congressos.


Rita de Cássia de Mattos
COREM 2ªR nº 0064-I
Conselheira Efetiva, 2018-2020.
Espírito Santo; Minas Gerais e Rio de Janeiro

Museóloga, graduada pela Escola de Museologia da UNIRIO e mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Museologia e Patrimônio(2016), Atuou desde 1979 em museus e educação. Entre 1988 e 2007 trabalhou no Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro. Desenvolveu e implantou o projeto “Ensinando com o Arquivo”, voltado para alunos e professores das escolas públicas e particulares do Município, trabalhando a memória da Cidade do Rio de Janeiro a partir do acervo da instituição e, paralelamente coordenou a área de gestão e preservação do acervo. Integrou a equipe que implantou o Banco de Dados e de Imagens do acervo fotográfico do Arquivo. Entre 2008 e 2014 fez parte da equipe da Superintendência de Museus, da Secretaria de Estado de Cultura do Rio de Janeiro, atuando como Gerente de Acervos normatizando e orientando a área de documentação dos acervos dos Museus da Secretaria em ambiente WEB.


Conselheiros Suplentes

Alexandre Valadão Rios
COREM 2R nº 0373-I
Conselheiro Suplente 2018 – 2020
Espírito Santo; Minas Gerais e Rio de Janeiro

Museólogo, graduado pela Universidade Estácio de Sá [1989]. Especialista em Administração de Museus pela Universidade Estácio de Sá [1990]. Na Universidade Cândido Mendes cursou especialização em Docência do Ensino Médio e Fundamental [2000]. Ex-Presidente do COREM 2ª Região e ex-Presidente da
Associação Brasileira de Museologia – ABM, ex-Diretor do Museu do Ouro (IPHAN), atuou como Museólogo no Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro, Museu da Imigração do Estado de São Paulo, Centro de Memória da Presidência da República. Atualmente lotado na Gerência de Museus Secretaria Municipal de Cultura e Professor de Artes (SME/RIO).


Amanda Pinto da Fonseca Tojal
COREM 4R 132 – II
Conselheira Suplente, 2019-2021.
Acre, Distrito Federal; Goiás; Mato Grosso; Mato Grosso do Sul, São Paulo, Rondônia e
Tocantins.

Museóloga e Educadora de Museus. Graduada em Educação Artística pela Faculdade Armando Álvares Penteado e Pós-graduada em Museologia pela Faculdade de Sociologia e
Política de São Paulo. Mestre em Artes e Doutora em Ciências da Informação pela Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo. Coordenadora dos Programas Educativos para Públicos com Deficiências: Museu de Arte Contemporânea da USP [1991-2003] e Pinacoteca do Estado de São Paulo [2003-2012]. Consultora em Acessibilidade e Ação Educativa Inclusiva para públicos com deficiências em museus e instituições culturais e ambientais como, Museu do Futebol/SP, Museu Afrobrasil/SP, Museu Casa de Portinari (Brodowski/SP), M.H.P. índia Vanuíre (Tupã/São Paulo), Museu de Arte do Rio e Museu do Amanhã/RJ, Museu Felícia Leirner (Campos do Jordão /SP), Museu de Ciência e Tecnologia da WEG (Jaraguá do Sul/SC), Museu Oscar Niemeyer (Curitiba/PR), Instituto Moreira Salles (SP/RJ), Reserva Natural SESC em Bertioga, além de outros em andamento. Docente de cursos de Formação em Acessibilidade Cultural e Ação Educativa Inclusiva em São Paulo e outras cidades do Brasil. Curadora Artística e Pedagógica da Exposição Itinerante “Sentir pra Ver: gêneros da pintura na Pinacoteca de São Paulo”, desde o ano de 2012. Vice-Presidente e Conselheira da Comissão de Ética e Registro Profissional do COREM 4R (gestões 2013-2015, 2016-2018). Sócia-presidente da empresa Arteinclusão Consultoria em Ação Educativa e Cultural, desde o ano e 2003.


Danielly Dias Sandy
COREM 5R. 0117 – I
Conselheira Suplente, 2019.
Paraná e Santa Catarina

Museóloga. Mestre em Museologia pela Universidade Federal da Bahia – UFBA [2015-2017], com pesquisa de mestrado nas áreas de Políticas Públicas Culturais, Gestão Museológica e Sustentabilidade Financeira de Museus. Especialista em Museologia pela Escola de Música e Belas Artes do Paraná – EMBAP [2006-2007], sendo Bacharel em Pintura [2002-2005] pela mesma instituição. Participa do Grupo de Estudos “EAD, Presencial e o Híbrido: vários cenários profissionais, de gestão, de currículo, de aprendizagem e políticas públicas”, do Centro Universitário Internacional – UNINTER e do “Grupo de Estudos sobre Cibermuseus – GREC”, da UFBA. Ministrou aulas no Centro Estadual de Capacitação em Artes Guido Viaro, Curitiba/PR [2006-2008]. Trabalhou no Museu Oscar Niemeyer – MON, Curitiba/PR [2010-2013], desenvolvendo trabalhos nos setores de Ação Educativa e Planejamento Cultural. Trabalhou na Universidade Livre da Cultura – UNICULTURA, Curitiba/PR, com elaboração e produção de projetos culturais para editais e Lei de Incentivo [2014]. Realizou atividade de Assessoria Museológica ao Museu da Imagem e do Som do Paraná, MIS-PR [2017]; trabalhou na Gestão Museológica do MON [2018]. É professora dos cursos de Licenciatura e Bacharelado em Artes Visuais do Centro Universitário Internacional – UNINTER, ministrando as disciplinas de Leis de Incentivo e Projetos Culturais em Artes Visuais, Educação Patrimonial e Artes Visuais, História e Sociedade: Brasil. Cursa Especialização em Gestão Pública pelo Instituto Federal do Paraná [IFPR]. Pesquisa principalmente nas áreas de Museologia, Artes Visuais, Políticas Públicas para Cultura e Filosofia.


Heloisa Helena Queiroz
COREM 2R 0726-I
Conselheira Suplente, 2019-2021.
Espírito Santo; Minas Gerais e Rio de Janeiro

Museóloga, graduada pela UniRio, com Licenciatura Plena em Letras pela UERJ e especialização em História da Arte Sacra pela Faculdade São Bento. Coordena projetos culturais, como exposições e práticas ligadas à gestão de acervos, nos campos da preservação, da pesquisa, da comunicação e programas educativos relacionados à histórica, cultura, território e patrimônio. Foi diretora do Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro e do Ecomuseu do Quarteirão Cultural do Matadouro de Santa Cruz, ambos equipamentos públicos municipais. É membro do Comitê Internacional de Educação e Ação Cultural (CECA) do Conselho Internacional de Museus (ICOM). Atualmente é Gerente de Museus da Secretaria Municipal de Cultura, Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e Coordenadora do Projeto de Cooperação Técnica entre o Governo Brasileiro e a Organização das Nações Unidas  para a Educação, a Ciência e a Cultura(UNESCO) “Gestão Compartilhada do Sítio Arqueológico Cais do Valongo e Concepção de Museu de Território”


Ivanei da Silva
COREM 4R 0186-I
Conselheiro Suplente, 2018-2020.
Acre, Distrito Federal; Goiás; Mato Grosso; Mato Grosso do Sul, São Paulo, Rondônia e Tocantins.

Museólogo, graduado pela UniRio e mestre em Memória Social e Documentos pela mesma instituição. Atuou em diversos projetos de produção, conservação e montagem de exposições e, atualmente, trabalha na Poiesis – Instituto de Apoio à Língua, à Cultura, e à Literatura, atuando como museólogo da Rede de Museus-Casas Literários de são Paulo que inclui a Casa das Rosas, a Casa Guilherme de Almeida e a Casa Mário de Andrade.


Nádia Teresinha Schröder
COREM 3R 0044-IV
Conselheira Efetiva, 2019-2021.
Rio Grande do Sul

Museóloga, com experiência em curadoria de coleções. Graduada em Ciências, Habilitação Biologia, pela PUC do Rio Grande do Sul [1979-1983], especialização em Programa de Saúde pela Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre [1983-1984], mestrado em Geociências (Paleontologia) pela UFRGS [1987-1990] e doutorado em Biociências (Zoologia) pela PUC do Rio Grande do Sul [1997-2002]. Iniciou sua vida profissional no Museu de Ciências Naturais da Fundação Zoobotânica do RS. Foi conselheira da Comissão de Tomada de Contas do COREM 3R na gestão da Presidente Maria Cristina Pons da Silva. Foi também conselheira secretária por duas gestões no CRBio-3R. Foi avaliadora de cursos pelo INEP/MEC. Na Universidade Luterana do Brasil ocupou a função de Diretora de Pesquisa durante nove anos e em setembro de 2011 assumiu a função de Diretora de Pós-Graduação na mesma Universidade. Como docente atuou no curso de Ciências Biológicas e no curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental, no Programa de Pós-Graduação de Engenharia: Energia, Ambiente e Materiais e no Programa de Pós-Graduação de Engenharia de Materiais e Processos Sustentáveis. Atualmente faz parte da Pró-Reitoria Acadêmica ocupando a função de Diretora de Pós-Graduação e Pesquisa, bem como exerce a função de docente no curso de graduação de Engenharia Ambiental e Sanitária e no curso de mestrado acadêmico em Promoção da Saúde, Desenvolvimento Humano e Sociedade. Tem experiência na área de P&D e gestão da pesquisa e de pós-graduação na Universidade. Atua na área ambiental com ênfase em avaliação ambiental, principalmente em poluição ambiental de ecossistemas aquáticos, biomonitoramento e bioindicação e fitorremediação.


Vanessa Maria Ferreira Dutra
COREM 3R 0024-IV
Conselheira Efetiva, 2019-2021.
Rio Grande do Sul

Museóloga com qualificação e experiência na área de Gestão e Historiografia de Acervos e Museus. Licenciada em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul [1971], com Especialização em Antropologia pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul [1975] e em História da Cultura pela PUCRS em 1984. Mestre em História do Brasil [1988]. Técnico Científico – Historiógrafa, com atuação na Secretaria de Cultura/RS e Museóloga (COREM 3ª Região RS) desde 1990. Atuou como Coordenadora e Assessora de diversos projetos junto à Secretaria de Cultura do Estado do RS (Programa Monumenta BID, Membro do Conselho Internacional de Museus, entre outros). Destaca-se sua atuação como Diretora do Museu Júlio de Castilhos [1991-1987], Coordenadora do Projeto Memorial do RS [1997/1998] e Diretora do Arquivo Histórico do RS [1995-1998]. Foi Vice-Presidente [1999-2002] e Presidente do COREM 3ª Região [2007-2011] por dois
mandatos.